Olivia me disse

Primeira parada: Heidelberg

ViagensOlivia me disseComment
 Olivia no brezel e eu no glühwein!

Olivia no brezel e eu no glühwein!

Seguindo o último post, (se você não leu, clica aqui) vou contar sobre a primeira parada da nossa road trip de natal: Heidelberg, na Alemanha. 

Moramos por 5 anos em Nuremberg e não conhecíamos Heidelberg. Juntou que era natal e o mercado de lá é bem famoso, escolhemos parar para conhecer e continuar a viagem no próximo dia. Saímos de Amsterdam quase 6 horas da manhã e a previsão era chegar para o almoço. Mas a Olivia passou mal no caminho, tivemos que parar e ir bem devagar. Por causa disso decidimos chegar, comer e descansar no hotel antes de sair. Ficamos no Crowne Plaza Heidelberg City Center, muito bem localizado pro que a gente precisava: visitar o mercado de natal.

Há mais ou menos 5 minutos à pé já estava a Bismarckplatz, onde tudo começa, com o primeiro de 6 mercados. Seguindo direto de lá até a Karlsplatz estão espalhados os outros. É uma boa caminhada, numa calçada inteira só para pedestres, cheia de barraquinhas com comidas e bebidas típicas dessa época do ano. Dá pra comprar lembranças, enfeites de natal, tomar glühwein (vinho quente com especiarias), comer brezel, salsichas e amêndoas torradas. Andamos de uma ponta a outra, com o carrinho duplo e apesar de estar cheio de gente, foi tranquilo. Caía uma chuva fininha e fazia muito frio, se você pretende visitar, se vista bem! 

 O segundo mercado em Anatomiegarten.

O segundo mercado em Anatomiegarten.

Enquanto andávamos pelo mercado, discutimos uma coisa: seriam os mercados na Alemanha todos iguais? Será que se você visita um, não precisa visitar mais nenhum? Na verdade, a grosso modo, são bem parecidos! A decoração e o cuidado em montar o mercado é que faz a diferença! O de Nuremberg, por exemplo, é mais enfeitado, as barracas são casinhas de madeira decoradas de natal, e a curadoria de produtos locais também é muito bem feita. Na minha opinião, é mais bonito do que o de Heidelberg. Isso faz muita diferença na hora de andar pelo mercado e apreciá-lo! 

 Anatomiegarten e a barraquinha mais linda com um moinho de vento.

Anatomiegarten e a barraquinha mais linda com um moinho de vento.

 A última parte do mercado, em Karlsplatz. Ali atrás das montanhas está o Schloss Heidelberg.

A última parte do mercado, em Karlsplatz. Ali atrás das montanhas está o Schloss Heidelberg.

De qualquer maneira, vale a pena visitar o mercado de natal de Heidelberg. A cidade tem muito mais a oferecer, é claro, é uma cidade linda. Não visitamos o castelo, o Schloss Heidelberg, mas li que a vista lá de cima é de tirar o fôlego! Mas vai ficar pra outra oportunidade. 

E você? Gosta de mercados de natal? O próximo post dessa saga tem muita neve. Até semana que vem!